sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

O PASTOR

Aquele homem era incrível! Ele tinha uma educação e uma gentileza sem igual. Eu ficava olhando o jeito como ele tratava as pessoas. Ele cumprimentava os frequentadores da igreja com um aperto de mão e um olhar afetuoso. Nunca o vi agir com rispidez e nem com intolerância. Ele era mesmo fora de série. Talvez seja por isso mesmo que tenha morrido só e desamparado. Ele jamais se dobrou para o sistema onde pessoas são tratadas como coisas.

No ano de 1979, o pastor José Fabrício, com vinte e oito anos de idade chegou na cidade grande para trabalhar em uma igreja.

Continua...

FAÇA BONITO

Vá aprender a escrever direito. Não perca seu tempo. Aproveita o tempo que passa na escola.

PASSOU

Nunca mais meu bem. Entendeu ou quer que eu desenhe. Aqueles dias que passamos juntos não voltam nunca mais. Apaguei você das minhas lembranças e joguei fora as recordações. Ano novo vida nova. A gente segue para frente. Andar pra trás  nem pensar.

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

O ENCONTRO

Desceu as escadas correndo para ir se encontrar com a pessoa que havia ligado marcando um encontro. Aquele velho amigo já não significava muito, mas seria interessante encontrá-lo para ver como ele estava. Depois de longos anos de ausência e na falta do que fazer lá foi ela.
Ao vê-lo de longe teve vontade de fingir um estado de alegria, mas quando chegou perto dele não sentiu nada e teve vontade de sair bem rápido dali. Ficou, mas sentia-se desconfortável. Por educação conversou por meia hora com o fulano e depois foi embora sentindo-se aliviada.

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

SER GENTE É COMPLICADO!

Os julgamentos nunca são bons. Porque no fundo não conhecemos as pessoas como elas realmente são.
Lembro sempre daquela fábula: O homem, seu filho e o burro...
Sempre vão te criticar, falarão mal de você e será difícil encontrar alguém que concorde com suas atitudes. Quem quer agradar todo mundo, no fim não agrada ninguém.

SEI LÁ...

A moça casou e agora vive infeliz, porque pensava que o casamento fosse lhe trazer muitas felicidades. Sei lá, tem gente que imagina um monte de bobagens achando que aquilo é que é felicidade. Felicidade é estar com alguém que gosta da gente e seguir construindo um mundo melhor juntos.

SEM NOÇÃO

A criança se joga no chão e faz birra querendo algo. A mãe fica feito uma tonta olhando e não faz nada. Pessoas que passam perto ficam olhando. O que será que elas pensam daquilo?
Crianças precisam de pais que as eduquem e não um bando de gente alienada que se deixa dominar por gente pequena.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

SEJA MELHOR HOJE

Não repita os erros do passado. Fortaleça suas esperanças. Seja mais racional e menos emocional.

REPENSANDO

Chega um tempo na vida que o importante é parar e repensar o caminho a seguir.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

LEMBRANDO

Nunca imaginei que seria assim, aliás, penso que ninguém imagina que chega um dia na vida da gente em que a gente se sente como uma casa vazia.
Um silêncio absurdo invade à noite, nessa hora vem à mente todas as lembranças.
Lembrar é quase involuntário nesse estágio da vida.

Eu sabia, mas eu sabia que aquela visita na casa da Neuza me traria esse estado de coisa. Não, eu não deveria ter ido naquele bairro decadente. Foi triste, muito triste passar naquelas ruas que antes eram tão movimentadas e alegres, mas agora aquilo lá, parece um bairro fantasma.

A vida é mesmo assustadora em certas ocasiões.

DEUS

O cheiro do perfume com aroma de madeira fazia Carla lembrar de seu passado. Ela tinha uma necessidade frenética de falar sobre Deus para outras pessoas. Na verdade ela tinha muitas dúvidas sobre seu Deus, por isso vivia querendo provar sua fé. Nos dias frios a tristeza envolvia seu coração e ela lembrava do homem que partiu tão cedo e nem lhe deixou um filho como herdeiro. Carla queria poder sair de dentro do seu corpo e voar sobre a imensidão do azul. 

Um dia, Carla conheceu um cara de lhe fez mudar muitas coisas em sua vida. Ele era o oposto dela. Ele questionava tudo e não deixava nada sem resposta. Durante um bom período de sua vida  Carla foi feliz e pode esquecer o seu passado. Ela teve uma oportunidade e não perdeu tempo. Fez muitas transformações em sua vida e decidiu ser feliz.

INTERESSES

O professor entrou na sala e disse: Quem estiver aqui só pra fazer zoeira pode sair, não vou fazer chamada. A matéria de hoje é sobre anatomia feminina. Ninguém saiu da sala. Nem aqueles que costumavam matar aulas. Uma menina disse: Sacanagem professor! Ele respondeu: Não, anatomia.

DANADA

A morte sobrevoou de novo aquela casa...
É sempre a mesma coisa, toda vez que alguém morre por lá, o velho fica num estado lamentável. Acho que ele tem medo da danada. Ele fica todo agitado e sem rumo. Ele precisa fazer alguma coisa para melhorar e tirar esse medo que tem da morte. Se é que ele vai conseguir.

CINCO QUILOS

Eu disse que ia emagrecer cinco quilos. Disse pra mim mesmo. Mas como é difícil! Tudo engorda. Mesmo a gente cortando algumas coisas. Sei lá, mas para emagrecer é preciso ser radical. Pelo menos no meu caso.

ORA BOLAS

Não adianta. Tem certos assuntos que só mesmo uma minoria poderá entender, mas uma minoria mesmo. Algo assim bem mínimo mesmo. Redundância! Sim!

sábado, 5 de dezembro de 2015

ERA ASSIM

Aos sábados a gente se reunia para ouvir blues, tomar cerveja e conversar sobre filosofia e outros assuntos legais. Era um grupo pequeno, mas muito bom e integrado, surgia uns assuntos loucos demais!

CHATO!

Enrolou, enrolou e não disse nada... 
O cara tinha que falar sobre um assunto sobre leis, mas não entendia do assunto, então ficou falando bobagens. Fiquei só olhando pra cara dele. Acho um saco esse tipo de cara. Se não sabe, vai se informar! Enrola não!

COMPROMISSO

O cara parece uma chaminé fumando desesperadamente o dia todo e tomando café. Tudo isso para tentar escrever uns textos que precisa ser entregue na data certa. Ou entrega, ou fica sem grana. Passa dias e noites escrevendo, fumando e tomando café. Acho que um dia desses eu o encontro caído e morto em cima do seu velho computador.

MAL ACOSTUMADO

O sujeito abriu a porta de casa e saiu dizendo que não voltava mais. Saiu aos berros e xingando todo mundo. A mãe ficou chorando e dizendo que a culpa era do marido. O marido dizia: Ele não consegue nem ir até a esquina. É um frouxo! Você acostumou mal esse nosso filho. Agora ele está desse jeito, pensa que pode fazer tudo o que quiser. Pois acabou! Ou ele arranja um trabalho ou vai embora! E já vai tarde. Na idade dele eu já era casado e não dependia de ninguém. Chega!

DEIXA PRA LÁ

Cego é aquele que não quer enxergar, apesar de ter boa visão.
Não adianta falar com quem não quer ver o buraco que está se abrindo embaixo de seus pés.

SE ACHA O TAL

O sujeito fica lá do alto do seu pedestal dizendo tolices e acreditando que aqueles que o rodeiam gostam dele. São um bando de bajuladores. Só estão de olho no dinheiro que ele tem. Só querem ficar por perto para aproveitarem as festas que ele dá. Quero só ver a hora em que ele ficar doente quem vai estar do lado dele.

domingo, 29 de novembro de 2015

SECRETÁRIA E PATRÃO

O cara tinha um caso com a secretária... Mas é sempre assim! O empresário que tem uma secretária que fica afim dele, e ele afim dela. Se entregam ao prazer e passam por cima de tudo e de todos.
A mocinha inocente e o patrão garanhão. Ou,  a mocinha golpista e o babaca do patrão.
Curtem a vida e atrapalham a vida de suas famílias,mas eles não estão nem aí, sexo muito sexo é o que importa, curtem a vida e não pensam no futuro.

E POR QUE NÃO!

Eu deveria ter sido bem cachorra, bem filha da puta, mas não, claro que não. Sempre fui uma boa moça, embora fosse linda e sempre notada e desejada, nunca cedi aos apelos masculinos mais ousados. Se eu tivesse sido bem sacana quem sabe teria mais consideração por parte das pessoas. As pessoas adoram gente filha da puta, gente safada, claro que tem que ter dinheiro, porque sem dinheiro ninguém vale nada.

O VELHO

Ele foi um homem rude. Golpeou tudo o que pode ser golpeado durante sua vida.
Foi um homem que fez escolhas ruins. Por quê? Não sei, só sei que ele passou a vida inteira sendo mal. Ele não teve uma infância triste e miserável, ao contrário. Teve fartura em sua casa. E não estudou porque não quis, achava que era bom demais no que fazia e não precisava estudar.
Mas um dia se descobriu velho e sem saúde. E o pior de tudo, se viu sem ninguém.
Durante sua infeliz vida, teve tempo de fazer mudanças, mas não fez. Hoje, ele vive nas ruas de uma grande cidade pedindo esmolas.

A PERDA DE BELISA BEL

Saiam, saiam daqui! Vocês de novo! Vão voar em outro lugar!
Acorde Belisa. Você está sonhando de novo.
Como assim! Sonhando...
Escutei aquelas vozes cantando pra mim:
Belisa Bel era uma menina linda
que acreditava no amor.
Belisa Bel caiu no conto do moço bonito
e nunca mais se libertou.

Esqueça isso! Que bobagem!
Eu me lembro da menina que teve um bebê, mas o bebê morreu.
Quando aquela enfermeira de olhos grandes entrou no quarto e disse: Seu bebê não vem te ver, ele morreu.
Então foi isso que aconteceu. E outra enfermeira falou: Belisa, quantos anos você tem, você tem cara de menina muito nova, você vai superar essa perda.

O PERSONAGEM


Ele deu o último suspiro e partiu sorrindo para o reino do nunca mais.
Quase não acreditei! Eu estava ali do lado dele e pensei tantas coisas. Foi como se toda minha vida voltasse num filme, nem sei quanto tempo fiquei parada olhando o nada.
De repente uma enfermeira entrou no quarto e disse que eu precisava sair, pois ela tinha que fazer alguns procedimentos no paciente.

O paciente
Céus! Agora aquele ser com quem convivi por tantos anos era só um paciente que já havia morrido e a gentil enfermeira não quis dizer a palavra morto. Talvez ela tenha pensado que eu iria estranhar, mas estranhar o que? Estranheza é não compreender que vivemos de ciclos, um acaba e começa outro.

O começo
Tudo tem um começo, bom seria se os começos durassem quase uma eternidade. Porque os começos são sempre cheios de encantamentos. Uma mulher encontra um homem, então um novo mundo se abre. Começam as descobertas dos mundos de cada um. Leva-se uma vida inteira para descobrir o outro, quando a gente pensa que já sabe tudo, então vem um soco no estômago.

O caminho
Um dia a gente descobre um caminho e começa a percorre-lo e são tantas surpresas, tantas alegrias e tristezas que a gente pensa que não vai conseguir chegar a um lugar calmo e tranquilo. E assim seguindo em frente, um dia a gente alcança a tranquilidade, mas logo vem o tempo e diz que é hora de aprender a seguir sozinho.

O fim
A gente segue em frente e vai aprendendo com as perdas, e um grande aprendizado e o da espera. A gente vai esperando que tudo fique bem.